Máquinas Jacto: veja como aumentar a produtividade no campo!
Máquinas Jacto:

Máquinas Jacto: saiba como aumentar a produtividade no campo

O maior esforço do agronegócio é no sentido de alcançar mais produtividade. Nas grandes culturas extensivas, por exemplo, a eficiência no cultivo e na colheita oferecida pelas máquinas Jacto se traduz em rendimentos significativos.

Máquinas agrícolas modernas, aperfeiçoadas em sua operação pelos avanços da tecnologia aplicada são capazes de serem as grandes parceiras no esforço de aprimorar os resultados. Assim, no preparo do solo, no cultivo ou na colheita, bons e modernos equipamentos fazem toda a diferença.

Continue a leitura e saiba como as máquinas Jacto ajudam a aumentar a produtividade no campo.

Máquinas Jacto: sinônimo de produtividade e segurança

A agricultura moderna precisa produzir mais, melhor e, sobretudo, com segurança. A tecnologia aplicada ao campo oferece os instrumentos para promover o incremento na produtividade da lavoura. Veja como a Jacto dá a sua contribuição para os melhores resultados.

Pulverizador Uniport 3030 EletroVortex

O Uniport 3030 EletroVortex é um pulverizador automotriz recentemente apresentado nas principais feiras agropecuárias do país. Com um reservatório de 3.000 litros de calda aliado às características tecnológicas do equipamento, permite reduzir as paradas para reabastecimento, melhorando muito o rendimento operacional.

Além disso, com uma barra de pulverização que pode chegar aos 36 metros de extensão, oferece aumento no desempenho na ordem de 14%. Ao mesmo tempo, reduz o amassamento em até 17%, resultando, desse modo, em maior produtividade.

Outra vantagem mecânica do Uniport 3030 é a altura da sua barra: 2,75 metros. Dessa forma, os trabalhos de pulverização podem ser realizados em praticamente todas as fases das culturas, oferecendo qualidade nos tratamentos, mesmo no final do ciclo da lavoura.

A cereja do bolo do equipamento, no entanto, é a utilização da tecnologia EletroVortex. Trata-se da combinação do carregamento eletrostático das gotas com a assistência de ar nas barras de pulverização.

Essa tecnologia permite um alcance mais eficiente da pulverização, otimizando o contato efetivo do produto com as plantas. A carga eletrostática de que ficam dotadas faz com que as gotas sejam atraídas pelas folhas, uniformizando a aplicação, mesmo para as faces voltadas para baixo.

Assim, aliando a eficiência operacional com a maior precisão na aplicação, o resultado é a melhoria da produtividade. Com isso, a Jacto elevou a pulverização para outro nível de rendimento, produtividade, qualidade e proteção ambiental.

Adubadora Uniport 3030 NPK

A tecnologia Jacto na aplicação de fertilizantes desenvolveu a Uniport 3030 NPK, uma adubadora automotriz com todas as características dos equipamentos da família Uniport. Na verdade, consolida um conjunto de soluções de eficiência para o sistema de adubação na cultura canavieira de grandes extensões.

Com um reservatório de 3.000kg e uma barra de aplicação de até 15 metros de extensão, o equipamento permite operar em 10 linhas simultaneamente. Aliando a sua capacidade de deslocamento em velocidades superiores de até 25km/h, o Uniport 3030 NPK consegue alcançar altos rendimentos operacionais.

O sistema de dosagem do fertilizante permite precisão com variações mínimas na uniformidade. Após a dosagem automática, o adubo é transportado para cada bocal de aplicação por meio de fluxo de ar que empurra o produto, permitindo uma distribuição direcionada e precisa.

Outra importante vantagem é a altura da barra de aplicação, com vão livre de 1,52 metros. Desse modo, é possível operar em diversas fases do desenvolvimento da cana-de-açúcar.

Assim, fazendo uso de ampla faixa de aplicação e trabalhando em velocidades médias razoáveis, o equipamento oferece alto rendimento operacional. Além disso, a dosagem correta e a aplicação precisa otimizam a utilização de fertilizantes com ganho de produtividade e redução de custo por área trabalhada.

Colhedora de Café K 3500

Mais uma vez a Jacto eleva o padrão de colheita de café com a nova geração de máquinas capitaneada pela colhedora K 3500. Indicada para plantios tradicionais e adensamentos de até 2,50 metros na entrelinha, o equipamento permite otimização do uso do solo e incremento na produtividade.

Com capacidade de armazenar 3.000 litros (2 reservatórios de 1.500 litros cada um) de café colhido, exige menos interrupção da colheita, garantindo maior eficiência operacional. Além disso, apresenta menor dependência do conjunto trator e carreta, o que se traduz por redução nos custos.

A grande estrela da produtividade nessa colhedora é o novo sistema derriçador, capaz de reduzir em até 50% as perdas de café ao chão. O equipamento é capaz de operar a velocidade de 2,5km/h em colheitas seletivas, ganhando tempo e aumentando a qualidade e a eficiência da colheita.

O resultado é uma derriça superior a 97%, ainda que haja plantas de tamanho reduzido. Nesse sentido, a K 3500 apresenta o sistema recolhedor mais baixo do mercado.

Com tudo isso, e muito mais em tecnologia, a Jacto trouxe significativa melhoria na produtividade para a moderna cafeicultura nacional. Café colhido mais limpo, com menos perdas e com mais eficiência na colheita é o que a colhedora K 3500 oferece ao agronegócio brasileiro.

Saiba como as nossas máquinas podem ajudar a melhorar a produtividade no campo

O que faz as máquinas da Jacto elevarem os níveis de produtividade agrícola é um conjunto de aperfeiçoamentos, como demonstrado nos três exemplos anteriores e que podem ser resumidos, inicialmente, conforme mostramos abaixo.

Na pulverização

  • Reservatório de calda de elevada capacidade, reduzindo o número de reabastecimentos necessários.
  • Grande extensão da barra de pulverização, ampliando o rendimento operacional.
  • Altura da barra, permitindo operar em diversas fases de desenvolvimento da lavoura.
  • Tecnologia EletroVortex, propiciando maior precisão e maior contato do produto com a planta.

Na adubação

  • Reservatório de fertilizante de elevada capacidade, reduzindo o número de reabastecimentos necessários.
  • Grande extensão da barra de aplicação, ampliando o rendimento operacional.
  • Altura da barra, permitindo operar em diversas fases de desenvolvimento da lavoura.
  • Maiores velocidades operacionais, aumentando a eficiência da aplicação.

Na colheita

  • Reservatórios de café colhido de elevada capacidade, reduzindo o número de descargas necessárias.
  • Novo sistema derriçador, com elevado aproveitamento de colheita.
  • Maiores velocidades operacionais, aumentando a eficiência da colheita.

Além de todos esses aspectos técnicos dos equipamentos que aprimoram o trabalho no campo, a Jacto trouxe a tecnologia de precisão para cada uma de suas máquinas. Assim, considere acrescentar ao conjunto produtivo, entre outras, as seguintes tecnologias:

  • sistema de direcionamento e controle de pulverização via GPS;
  • piloto automático agrícola;
  • controle automático eletrônico dos bicos pulverizadores;
  • sistema de direcionamento e controle de aplicação de fertilizante via GPS;
  • controlador eletrônico de dosagem de fertilizante;
  • sistema de aplicação de insumos em taxa variável;
  • sistema de câmeras que aperfeiçoam o alinhamento da colhedora para a derriça;
  • monitor sensível ao toque que centraliza todas as operações de colheita;
  • sistema integrado de diagnóstico operacional.

Dessa forma, aliando o que há de mais moderno em maquinário agrícola à tecnologia aplicada ao trabalho no campo, as máquinas Jacto são as grandes parceiras na melhoria da produtividade do agronegócio.

Gostou do artigo? Entre em contato conosco e veja tudo o que a Jacto pode fazer para a sua lavoura produzir mais e melhor!

Powered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This